Como usar a nota do ENEM?

Este ano, o Exame Nacional do Ensino médio (Enem) teve 5,5 milhões de inscrições confirmadas de acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O Exame acontecerá em dois domingos, nos dias 4 e 11 de novembro de 2018.

Mas você sabe quais maneiras de usar sua nota do Enem? É importante saber quais as opções que se encaixam de acordo com a nota que você irá obter, por isso selecionamos maneiras de você ingressar em um curso utilizando a nota do Exame. Confira:

Prouni

O Programa Universidade Para Todos (Prouni), que disponibiliza bolsas de estudo em universidades privadas para estudantes de baixa renda, exige que o candidato tenha feito o Enem.

O programa, que é de iniciativa do Governo Federal, oferece bolsas integrais (100%) e parciais (50%). É importante ressaltar que uma das exigências do programa é que o candidato tenha obtido, no mínimo, 450 pontos na média, além de não ter zerado a redação. Quanto maior a nota, maiores são as chances de conseguir o benefício.

Sisu

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) também é um programa de iniciativa do Governo Federal. Esse Sistema seleciona estudantes a partir de suas notas no Enem para ingressar em universidades federais, estaduais e institutos de tecnologia.

As notas mínimas variam de curso para curso, dependendo somente das escolhas que o candidato fez. Para se inscrever basta ter feito o Exame no ano anterior e não ter zerado a redação. As inscrições são gratuitas e acontecem duas vezes por ano, no primeiro e no segundo semestre.

Sisutec

Também é possível utilizar a nota do Enem para fazer um curso técnico pelo Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec). Nesse caso, os cursos técnicos são do tipo “subsequente”, que só podem ser feitos por quem já concluiu o ensino médio.

É importante ressaltar que os cursos que são disponibilizados pelo Sisutec são oferecidos em todas as Escolas Técnicas Federais e Estaduais, além de unidades de ensino do Sistema S (SENAI, SENAC, SENAR e SENAT) e outras instituições.

Fies

Já o Fundo de Financiamento do Estudante do Ensino Superior (Fies) exige a nota do Enem desde 2011, onde os candidatos devem ter obtido pontuação mínima de 450 pontos no Exame do ano anterior e não ter zerado a redação.

Além disso, para solicitar o benefício também é necessário comprovar renda mensal familiar bruta, por pessoa, de até três salários mínimos.

Instituições públicas e privadas

Algumas instituições utilizam a nota do Enem nos processos seletivos, seja substituindo a primeira fase do vestibular ou como complemento à pontuação exigida. Nesse caso é necessário entrar em contato diretamente com a universidade escolhida para saber como funciona o processo de seleção.

Ciências Sem Fronteiras

Para participar do programa do Governo Federal Ciências sem Fronteiras também é necessário ter realizado a prova do Enem. Para concorrer a uma vaga para estudar no exterior pelo programa, o desempenho acadêmico e o domínio da língua estrangeira dos candidatos também são avaliados. No entanto, estudantes que obtiverem média no Enem superior a 600 pontos têm preferências.

336x280 cursos on

Reply